Exame da Tireóide

                                                                                                                                  Imagem 1

tireoide ou tiroide é uma glândula em forma de borboleta (com dois lobos), que fica localizada na parte anterior pescoço, logo abaixo da região conhecida como Pomo de Adão (ou popularmente, gogó). É uma das maiores glândulas do corpo humano e tem um peso aproximado de 15 a 25 gramas (no adulto). É responsável pela produção dos hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina), que atuam em todos os sistemas do nosso organismo. (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia).

Exame da Tireóide

As alterações do volume, da forma, da consistência, e da mobilidade da tireóide devem sempre ser pesquisadas e registradas. O exame consiste em:

- Inspeção Estática: observação lateral e anterior do pescoço em posição neutra, em extensão, em flexão e em rotações direita e esquerda. Usualmente, não é facilmente visível; caso a isto ocorra, deve-se considerá-la aumentada.

- Palpação superficial: pesquisar alterações da temperatura, da sensibilidade e do frêmito tireoidiano.

- Ausculta: pesquisa de sopros.

- Palpação propriamente dita: ( podendo ser realizada por via anterior ou posterior)

1) Via Anterior:

Imagem 2

*Estática: com leve extensão do pescoço do examinado, produz um deslocamento lateral da glândula com o             polegar de uma das mãos, enquanto palpa-se o lobo contralateral com os dedos indicador, anular e médio da outra mão.

*Dinâmica: com posicionamento igual à palpação estática, pede-se ao paciente que faça uma deglutição.

2) Via Posterior:

Imagem 3

*Estática: o examinador posiciona-se em pé atrás do paciente que deve está sentado. Firma a glândula por um de seus lobos com os dedos de uma das mão, enquanto palpa com a outra mão o lobo contralateral.

* Dinâmica: com posicionamento igual à palpação estática, pede-se ao paciente que faça uma deglutição.

Informações Pertinentes:

- Consistência: geralmente a tireoide tem consistência fibroelástica (comparável à carne crua).

- Alteração de Temperatura: aumentos da temperatura estão presentes em processos inflamatórios agudo ou subagudos, como também na presença de bócio difuso tóxico.

- Alteração da mobilidade: normalmente é móvel me bloco com as estruturas anatômicas profundas.

- Presença de frêmito: perceptível no bócio difuso com hiperatividade secretória

- Presença de sopro: perceptível no bócio difuso com hiperatividade secretória

Referências:

- LÓPEZMario; LAURENTYS-MEDEIROS, José de. Semiologia médica: as bases do diagnóstico clínico. 5.ed.

- Imagem1: http://www.humani.us/site/wp-content/uploads/tireoide1.jpg

- Imagem 2: http://medfoco.com.br/wp-content/uploads/2012/09/Palpa%C3%A7%C3%A3o-tire%C3%B3ide.jpg

- Imagem3: http://2.bp.blogspot.com/_3TLnErjyzOc/SdPlL2CB-_I/AAAAAAAAAFc/53WF8bK6do0/s200/bocio+palpa%C3%A7%C3%A3o+post+bimanual1.jpg

About these ads

Publicado em maio 5, 2013, em Cabeça e Pescoço. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: